Terminou mais uma edição da FicaVouga. Nove dias de música, gastronomia, artesanato, mostra económica, desporto e teatro. Os concertos voltaram a atrair milhares de pessoas de vários pontos do país. O recinto teve mais actividade do que nunca; as freguesias e associações estiveram em destaque. O certame severense tem-se afirmado com uma festa com marca no país.

De 22 a 30 de Julho Sever do Vouga foi paragem obrigatória. Decorreu mais uma edição da festa dos severenses que, mais uma vez, pautou-se por muita música e muita animação. Com cerca de cinquenta espectáculos, com animação permanente e com a vista de vários milhares de pessoas, a FicaVouga mostrou a força de Sever do Vouga.

No final, em declarações ao Jornal Beira Vouga, António Coutinho fez um balanço muito positivo. “O cartaz era fabuloso e tivemos dias muito fortes, com muita gente a assistir aos espectáculos. Toda a semana correu muita bem”, referiu o Presidente da Câmara que acredita que a FicaVouga está ao nível de muitos festivais nacionais. “Não tenho quaisquer dúvidas. Aliás, já fomos convidados e estamos, inclusive, a pensar a integrar o calendário dos festivais”.

Leia a notícia na integra na edição impressa do Jornal Beira Vouga.