A Agim vai promover uma formação gratuita sobre relações de parentalidade nas tardes dos dias 4, 11 e 18 de novembro (sábados), no Vougapark, em Paradela do Vouga.

A formação pretende que os participantes no final saibam melhor como fortalecer as ligações com as crianças e como potenciar a autoestima das crianças.

Pretende-se ainda que os formandos consigam melhor atingir uma parentalidade consciente e assertiva, que transmita às crianças amor incondicional que seja potenciador de uma autoestima forte e que se revele uma relação inspiradora entre adultos e crianças.

Esta formação é gratuita e aberta a todos os interessados, decorre entre as 14.30 e as 18.30 horas dos sábados dias 4, 11 e 18 de novembro e as inscrições estão abertas através do número 912010596 ou e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Ciente da importância do tecido empresarial para o concelho de Sever do Vouga o Jornal Beira Vouga, apresenta, nesta edição, um espaço dedicado às 100 maiores empresas do concelho. Responsáveis pela criação de emprego e consequentemente fixação da população no concelho, as empresas têm dado vida e saúde a Sever do Vouga. O empreendedorismo da iniciativa privada tem dado frutos, gerado riqueza e desenvolvido positivamente a economia. Por tudo isto, a pertinência deste especial 100 maior empresas que quer dar a conhecer o percurso destas empresas. O que fazem, como cresceram, quantas pessoas empregam, quantos milhões geram, quais as freguesias com mais dinamismo empresarial? Damos-lhes todas as respostas. Este caderno tem por base, os dados fornecidos pela empresa Informa e são relativos a 2016.

Leia a notícia na integra na edição impressa do Jornal Beira Vouga

Na sequência de uma exposição-petição escrita e documentada por o autor desta linhas e assinada por alguns Nogueirenses e uma pessoa não de Nogueira, mas em nome de todos os Pessegueirenses... e a “pedido do presidente da junta de freguesia de Pessegueiro do Vouga e por proposta apresentada pelo presidente da Câmara, o órgão executivo aprovou, por unanimidade, a alteração da denominação do “Lugar de Nogueira”, da freguesia de Pessegueiro do Vouga para “Vila de Nogueira””.

Isto na sessão da Autarquia Municipal de 25 de Janeiro de 2017, embora, somente há poucos dias, fosse corrigida esta decisão na única placa toponímica existente, mas mais duas serão colocadas nas entradas Sul e Poente.

Leia a notícia na integra na edição impressa do Jornal Beira Vouga.

A campanha de 2017 da Mirtilusa fechou com chave de ouro. A associação de produtores nunca vendeu tantos mirtilos. Também o valor praticado é muito positivo, tendo subido relativamente ao ano anterior. Em declarações ao Jornal Beira Vouga, José Sousa, Presidente da Mirtilusa fez o balanço da campanha.

Em 2015, a Mirtilusa vendeu 106 toneladas, até então o melhor resultado. O número positivo, mas que foi batido nesta campanha. Em 2017 a Mirtilusa comercializou 110 toneladas e setecentos e setenta e três quilos. Relativamente, ao ano anterior vendeu, sensivelmente, mais 12 toneladas e meia. Também o preço praticado é superior a campanhas anteriores. Relativamente ao fruto certificado, os sócios receberam por quilo 4,30€, os produtores 4.10€. Quanto ao fruto não certificado, os sócios receberam por quilo 3,80€ e os produtores não certificados 3,40€.

José Sousa faz um balanço muito positivo da campanha, num ano que poderia ter sido ainda bem melhor. “Se não tivéssemos sido atacados pela queda de granizo, poderíamos ter conseguido chegar às 140 toneladas”, destacou, frisando, também, o aumento do preço praticado por quilo. “Em relação ao ano passado houve um aumento na ordem dos 25 cêntimos por quilo”, sublinhou.

Leia a notícia na integra na edição impressa do Jornal Beira Vouga.

O aniversário dos Bombeiros Voluntários de Sever do Vouga foi adiados para o dia 5 de Novembro. Como justifica o Presidente dos Bombeiros, Ademar Carvalho, em declarações ao Jornal Beira Vouga, “Tendo em conta que a fase Delta do DECIF foi prolongada até final de Outubro, o aniversário desta Associação foi adiado para o dia 5 de Novembro.
O tempo quente e seco, o risco acrescido de incêndios e a necessidade de prevenção, tornam sensato proceder-se a esta alteração”, referiu o dirigente.

Leia a notícia na integra na edição impressa do Jornal Beira Vouga.