A Câmara Municipal vai remodelar e ampliar a antiga escola primária da Avenida situada no centro da cidade. As obras vão arrancar no início deste mês. Trata-se de um investimento superior a 600 mil euros que vai acolher alunos do primeiro ciclo e quer colmatar a necessidade actual, já que a escola básica tem dificuldades para acolher tantos alunos.

“A Escola Básica de Albergaria-a-Velha, concebida para acolher o 1.º e o 2.º Ciclo da cidade, revelou ser insuficiente para receber todos os alunos e as alunas das escolas que encerraram. Com o tempo, verificou-se que a escola já não conseguia proporcionar as melhores condições de ensino a docentes e crianças”, explica a Câmara Municipal.

Concebida para acolher 8 turmas do 1.º Ciclo, a escola albergou sempre mais do que 10 turmas. Com a requalificação da antiga Escola Primária da Avenida, o Município quer criar condições para melhorar a rede do 1.º Ciclo no centro da cidade, aproveitando as valências existentes na zona envolvente – Jardim-de-Infância, IPSS, campo desportivo e Casa Municipal da Juventude – para constituir um polo de educação de excelência. Como acrescenta a autarquia, “pretende-se que o novo estabelecimento de ensino seja um espaço eficiente, confortável e com os padrões de qualidade hoje exigidos”.

Leia a notícia na integra na edição impressa do Jornal Beira Vouga